Seja BEM-VINDO ao blogue da Espaço e Memória - Associação Cultural de Oeiras.
Aqui encontrará informação regular e atempada sobre as actividades e eventos, realizados e a realizar, da nossa/sua Associação, assim como outros eventos relacionados com Oeiras, a sua história, o seu património, a sua herança cultural, e a sua envolvente. Neste último sentido, referimos também eventos culturais realizados por outras entidades e instituições noutras localidades.
Contamos com a sua presença regular neste espaço. Contamos CONSIGO!
VOLTE SEMPRE!

sábado, 30 de novembro de 2013

Fresco do séc. XVII posto a descoberto por restauro no tecto do Mosteiro de Alcobaça



Fresco do séc. XVII posto a descoberto
por restauro no tecto do Mosteiro de Alcobaça
[ arqueologia ]
Mosteiro de Alcobaça

- - - - -

Restauro põe a descoberto fresco do século XVII no tecto do Mosteiro de Alcobaça


As obras de conservação de restauro da Sala das Conclusões puseram a descoberto “um teto único” no Mosteiro de Alcobaça, que mesmo sem assinatura já está identificado como um fresco do final do século XVII, divulgou a direção.

“É um teto extremamente bonito, absolutamente extraordinário, não existia nenhum no mosteiro, e que no final das obras vai ficar à vista do público”, disse à Lusa o diretor do Mosteiro de Santa Maria de Alcobaça, Jorge Pereira de Sampaio.

O fresco foi descoberto durante as obras de conservação e restauro que estão a ser efetuadas na Sala das Conclusões, uma das “principais salas de reunião dos monges e que chegou a ser também a Sala dos Reis”.

Fonte: LUSA

fonte Pportodosmuseus

- - - - -

fotografia de abertura - a imponente Fachada do Mosteiro de Alcobaça - do sítio internet Wikipédia [ foto de Waugsberg ] a quem agradecemos.

4 comentários:

João Menéres disse...

E quando ficará patente ao público ?
Em Maio ou Junho estarei por esses lados.

José António Lourenço Martins Baptista disse...

Caro João Menéres,

Não encontrei essa informação, que também me deixa de pulga atrás da orelha.

Aliás, ao que li, há um projecto (aprovado? ) para fazer um hotel de charme no Mosteiro de Alcobaça… Pasme-se!!

Abraço
J A Baptista

Fernando Lopes disse...

Um Hotel de 5 ou mais estrelas por certo!
Aliás, com a aprovação de muitos, o beneplácito do Secretário de Estado da Cultura (ex-vereador da CMO). Não há dinheiro...dizem. Por tanto faça-se hotel das elites. O mesmo aconteceu em Paço de Arcos, com o Palácio, e nada aconteceu, como sabemos.

José António Lourenço Martins Baptista disse...

Caro Fernando,

Com muitas estrelas [ Michelin ] piscinas, chefs internacionais, courtes de ténis, talvez um campo de golfe paredes meias, ginásios, spas, e etecéteras…

Aconteceu com o Paço dos Arcos… E não foi por não levantarmos a voz, protestarmos e argumentarmos. Mas os euros falam mais alto. :(

Abraço
J A Baptista